sábado, 22 de setembro de 2007

Ernesto Varela, o repórter

O jornalista mais sério de todos os tempos de TV brasileira. E tem muita gente que duvida disso.

Mas, enfim, esse não é um país sério mesmo.

Para as crianças, um parênteses. Ernesto Varela é um personagem criado por Marcelo Tas lá pela década de 80. Ou seja, no momento em que se via o nascimento de apresentadoras louras e precursoras do É o Tchan, o fim de uma ditadura que Figueiredo fez questão de encerrar com um gesto nobre (a tal da banana indigesta) e na década que fez a gente perder Henfil, surge Ernesto Varela e seu câmera Valdeci (que foi muitas vezes feito por Fernando Meirelles) munidos de cara de pau e um terninho sem vergonha.

Uma de suas vítimas foi Paulo Maluf. Que se viu na situação embaraçosa de responder se era mesmo corrupto, ladrão. Pobre homem, vítima da sociedade...

Vocês ficam com um trecho do DVD que saiu faz alguns anos. Recomendo que assistam o DVD todo se encontrarem em alguma locadora decente. Tem cenas antológicas na Serra Pelada, na Praça da Sé em meio as Diretas Já e sem falar na perseguição a Maluf.

Este vídeo mistura alguns momentos de Varela. Traz uma bela briga com Nabi Abi Chedid. Um homem de bem e de bens. E outras figuras que conhecemos bem.

Um comentário:

Alan Livan disse...

Locadora decente? Bom, tem este DVD no Itaú Cultural, um dos melhores acervos, se não o melhor da produção áudio visual das terras brazilis. Vale realmente muito a pena!