quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Pensando em palavrões!

Andando pelo centro vi alguns cartazes de propaganda de teatro com os estranhos dizeres: Comédia sem palvrão! Triste... É possível fazer comédia sem palavrão? Sem dúvida! E das boas! Mas quando se coloca isso como uma virtude e em cartazes de peças diferentes, a coisa começa a cheirar mal. Não tenho tempo para discorrer aqui sobre essa belíssima criação humana que é o palavrão, farei isso em breve, mas não agora.
Mas antes deixo um vídeo que o Március me mostrou na intenet, com essa figura doidaça que faz parte do "grupo Hermes e Renato". è curto, mas mostra uma forma poética de xingar.

3 comentários:

Marcius Siddartha disse...

Gil brother, O Away de Petrópolis, foi achado nas ruas de petrópolis, não é um personagem que ele faz. O Cara é assim, doido mesmo. Botar uma dentadura no c*? e Rir pro caralh*? Ô filho da put*, vai tomar no c* tranquilo, valeu? rs Poética chula total!rs

Alan Livan Bandalheira disse...

Sim! Não sabia que tinha sido em Petrópolis, mas sabia que ele tinha sido encontrado na rua. Mais louco ainda são Hermes e Renato e, "adotarem" essa figura.

Lola Brígida disse...

Eu, como fã dos versinhos chulos e meigos, já incorporei a frase no meu lindo repertório. Vou pedir que coloquem como inscrição na minha lápide, rs.